quarta-feira, 6 de agosto de 2008

modernidade e meios de comunicação

Polistchuk analisa a Idade Moderna sob três aspectos: social – como processos de urbanização e industrialização -, cultural – desenvolvimento das ciências - e político – com a valorização da democracia. Ele conceitua a Modernidade como transformações que aconteceram nos últimos três séculos: novos padrões, renovadas visões do mundo, e novas visões políticas, econômicas e culturais.

Essas mudanças que a autora coloca no conceito de Modernidade estão diretamente ligadas aos meios de comunicação. De acordo com ela, as novas transformações trouxeram muita riqueza para o cotidiano das pessoas, que sofreram forte influência política, social e cultural. Diante dos dois últimos aspectos, que ocupam lugar de destaque, entram os meios de comunicação, que são capazes de transmitir simultânea informação, seja através do cinema, da tv, de jornais e revistas. Na Modernidade acreditou-se que a mídia poderia ter poder absoluto por ela ser onipresente. A televisão, principalmente, servia e ainda serve como referência na vida social, influenciando e sendo influenciada pelo ambiente em que está inserida.



Guilherme Binder, Gustavo Yuki, João Guilherme Frey, Lidiane Tonon, Mariana Alves

Nenhum comentário: