quarta-feira, 20 de agosto de 2008

Uma nova modernidade - Bauman

O individualismo se destaca na visão de Bauman, em que a sociedade como um todo tem objetivo pessoais. Esses objetivos pessoais fazem com que as pessoas se distanciem umas das outras, provocando a busca do ter e não a do ser, sendo que não importa quem nós somos e sim o que nós temos. Desta forma o consumismo entra no cotidiano de cada um, surgindo as máscaras para não revelarem quem realmente são. Hoje em dia a preocupação com que os outros vão pensar deixa a sociedade cheia de paradigmas, sem confiança umas nas outras, achando que o mundo é uma verdadeira competição. O capitalismo tem muita parte de culpa nesse comportamento, porém enquanto a mudança de valores em cada um não mudar, o mundo não será um conjunto de pessoas com objetivos coletivos.


anna luisa, cleverson, livia e tabata

Um comentário:

Bob disse...

Essa dualidade da razão e emoção diante dos problemas econômicos e sociais, causa uma dor posmoderna. Ainda bem que a metafísica não pode provar que Deus existe,tampouco o contrário. Penso que o equilíbrio é a solução. O Amor.