domingo, 9 de novembro de 2008

O que muda em nossa época não é apenas o conceito de beleza, mas o próprio conceito de época. Vivemos em um período que questiona e discute muito mais as coisas, chegando a se autocriticar, pelo menos dentro da universidade.
É óbvio que nossa sociedade se norteia por um estereótipo de beleza que concentra juventude, traços perfeitos e busca pela naturalidade. Seria hipocrisia da minha parte não reconhecer isso. Mas insisto em dizer que mesmo incentivando corpos sarados, peles impecáveis e estilos de beleza uniformes, a nossa sociedade e até a nossa mídia já começou a se questionar a respeito dessas questões, quando ela fala de saúde, por exemplo, explorando temas que extrapolam o superficial “perca 7 kg em 4 dias”, sentimos que as coisas mudaram. Isso é muito positivo!

N J U V E N T U D E A
A U
T T
U IDADE O
R
A BELEZA C
L R
I SAÚDE Í
D T
A DIETAS I
D C
E A

Giovana Gulin




Nenhum comentário: