sexta-feira, 3 de abril de 2009

Jornalismo

Segundo Nilson Lage, em A reportagem, “é erro crasso exagerar o papel do jornalismo como ditador da opinião pública, mas tornou-se axioma do ofício a convicção de que ele contribui positivamente quando exercido de maneira correta. Isto significa que o jornalismo progressista não é aquele que seleciona apenas discursos tidos como avançados em dado momento, mas o que registra com amplitude e honestidade fatos e ideias de seu tempo”.
Comenta-se o jornalismo enquanto retrato da passagem da história, onde fatos e ideias recorrem em todas as mídias. O jornalismo é em si uma finalidade pública, separando as comunidades e sabendo trabalhar de acordo com os interesses das classes sociais. O jornalismo nada mais é do que o meio para a manutenção de um estado democrático e crítico, onde as pessoas sem voz podem fazer valer a ideologia igualitária. Também é um meio de difusão de culturas, sendo esse convívio estável o objetivo primário da comunicação.

Com a colaboração de Rossane Lemos, jornalista da Rede Massa e Grupo Lúmen.



Equipe: Eriksson Denk, Armando Sagula, Luiz Fernando Levinski e William Saab

Um comentário:

celina disse...

citação pertinente.
ok a rossane como fonte, mas não ficou clara a "colaboração".