quinta-feira, 10 de setembro de 2009

Imediatismo na comunicação

A velocidade na veiculação das informações, em uma sociedade cada vez mais voltada para o imediatismo é um dos pilares da teoria da sociedade líquida, elaborada pelo sociólogo polonês Zygmunt Bauman. Para ele, há atualmente uma nova dinâmica social, conduzida por uma maior rapidez na realização de todas as atividades. Isso traz conseqüências evidentes ao jornalismo, especialmente na forma online. Há um volume tão grande de informações circulando nos sites, que muitas vezes não existe um público consumidor capaz de abarcar toda essa oferta. A conseqüência é que muita informação acaba sendo desperdiçada. A saída é busca exatamente o conteúdo desejado, como por exemplo em sites especializados. Wagner Gonzales, assessor de imprensa automobilística e conhecedor de jornalismo especializado reforça que o grande volume de informações “por um lado democratiza o acesso a informação, mas por outro facilita o acesso a informações equivocadas, já que hoje é muito fácil publicar uma notícia na Internet”. Sendo assim, mais do que buscar um grande volume de informações, o leitor deve buscar informações de qualidade para si próprio.


Grupo: Igor Hudson Castanho
José Mário Dias
Paulo José Mello
Vinícius Gallon de Aguiar

Jornalismo B - Manhã - 4º Período

Nenhum comentário: