sexta-feira, 26 de março de 2010

Paradigmas da Comunicação : conhecer o quê?

Paradigmas da Comunicação : conhecer o quê?:
O texto aborda essencialmente a questão da amplitude da comunicação. É impossivel limitar as ciências já que uma esbarra na outra a todo o tempo. Qualquer tipo de estudo aprofundado requer não só o conhecimento da área abordada como conhecimentos gerais. As mídias, principalmente as novas mídias, tem sido uma ferramenta essencial não só para os comunicadores como para qualquer tipo de profissional. O que acontece é que nem sempre paramos para pensar na importância dessas mídias, que se tornaram indispensáveis, nem mesmo para "limitar" e conceituar a ciência da comunicação. Como a autora coloca no texto, sempre que pensamos no termo comunicação a idéia imediata parecer ser com os exemplos de mídia do nosso cotidiano (televisão, rádio, internet). Mas é esse o conceito de comunicação? Seria uma tarefa árdua definir o termo.
A autora ainda exemplifica as múltiplas dimensões dos meios de comunicação através do trecho: "Assim, os meios de comunicação ou a mídia, na sua aparente objetividade e simplicidade, não o são tanto assim, mas se desdobram em múltiplas dimensões – tais como a técnica, a política, a economia, o consumo, a vida urbana, as práticas culturais, a sociabilidade etc." A amplitude da comunicação não pode ser encarado como um aspecto negativo. É necessário, portanto, repensar a importância da comunicação, das mídias e principalmente a da matéria de teorias da comunicação.
Elizabeth Marques Bannwart, jornalismo, manhã

Um comentário:

celina disse...

os seus comentários sao pertinentes,
generaliza um pouco, às vezes (ex -segundo período)...