sexta-feira, 26 de março de 2010

Paradigmas da Comunicação

No texto “Paradigmas da Comunicação: conhecer o que?”, a autora levanta a questão do descaso dos alunos com relação à disciplina de Teorias da Comunicação e revela alguns motivos para não haver uma única definição e sim vários conceitos determinar o que é Teoria da Comunicação.
A autora Vera Regina França trata a comunicação como um objeto empírico, que é movido pela mídia, lembrando as “origens” da Teoria da Comunicação, as quais objetivavam caracterizar o surgimento da imprensa de massa, do rádio, da televisão.
Para ela, toda reflexão dentro das ciências sociais é também um desenvolvimento do estudo da comunicação. E esse estudo não trata apenas da transmissão da mensagem para o receptor, mas também de como ela será absorvida e quais serão as consequências dessa absorção.
A autora cita ainda a frase de MCLuhan, “o meio é a mensagem”, lembrando que tudo é informação e é alvo do interesse de alguém e trata o processo comunicativo como algo vivo, dinâmico, instituidor – criador de sentidos e de relações, quando os sujeitos são mais que locutores, assumem papéis e se constroem socialmente.

Bethina Perussolo Reichelt – 3º Período, Jornalismo (manhã)

Um comentário:

celina disse...

em linhas gerais, vc apreendeu o sentido do texto.