sexta-feira, 17 de setembro de 2010

O lugar que eu escolhi e considero que contribui para a formação da minha identidade é a Pontifícia Universidade Católica do Paraná. A faculdade foi o motivo porque mudei de estado e vim para o PR, morar sem pai e mãe e com um monte de responsabilidades foi extremamente decisivo na construção de minha identidade. Passo um bom tempo de meu dia na universidade e minhas decisões sempre são tomadas em base a meu horário e disponibilidade em relação a trabalhos e aulas, ( principalmente a aula do Zanei!!). Moro bem perto da facul e a vista do meu quarto é o prédio administrativo, então é uma coisa sempre presente em meu dia. A identidade hibrida que Hall cita, eu considero, em minha personalidade, a mistura paulista com a paranaense, costumes que se fundem e a começam cada vez mais a fazer parte de mim. Desde o leitE quentE, até fazer fila para pegar onibus (coisa que paulista não faz).

Flávia de Andrade 2º ano Jornal

Um comentário:

celina disse...

ok. é importante deixar mais evidente o pensamento articulado do hall, ou seja, falar mais sobre o pensamento do autor.