quinta-feira, 16 de setembro de 2010

Stuart Hall afirma que o produtor de um texto o codifica de uma maneira particular. Entretanto, o entendimento dos leitores será de alguma forma diferente (o repertório do receptor). Ou a que o autor chama de “margem de entendimento”.

Desta forma, para muitos a Arena da Baixada em Curitiba é somente o estádio do Atlético-PR. Para mim, retrata um local de aproximação e contato com meu Pai. Desde 1995, tenho o hábito de freqüentar os jogos com ele e tal costume está longe de terminar. Nesse sentido, a imagem de um local remete às particularidades de cada um, assim como um texto pode ser interpretado de diversas maneiras.

Ricardo Rüppell Paraná Júnior
Jornalismo - Noturno

Um comentário:

celina disse...

vc tomou de uma outra perspectiva, no caso, os diferentes modos de codificação/decodificação. mas relacionou com a identidade.