terça-feira, 30 de agosto de 2011

Bosque do Alemão: lugar pouco veiculado pela mídia

Ocupando 38 mil m² de área no Jardim Schaffer, o Bosque do Alemão possui muitas atrações, como uma sala para concertos musicais, trilha da história de João e Maria, uma biblioteca e um mirante, no qual houve uma época em que a passarela para o mirante ficou interditada por muito tempo.

Pesquisando pela internet e por outros meios de comunicação, percebi que não há muitas notícias em relação ao Bosque do Alemão a não ser em guias turísticos, neste ano não teve nenhuma reportagem sobre o bosque. Porém, encontrei duas reportagens na internet (de setembro e de novembro de 2010) praticamente falando sobre o mesmo assunto. Em uma delas, é sobre o caso da passarela, que foi reaberta após ter ficado fechada por quase 1 ano para reparos, relatando que o número de visitantes no local aumentou. E em outra reportagem, afirma que a prefeitura além de ter revigorado a passarela, aproveitou e revitalizou o resto do bosque, trocando madeiras da escadaria que vai para a trilha e pintura nova na capela e no chafariz.

Pode-se concluir que, além do Bosque Alemão ser um lugar para passear, relaxar e se divertir, ele não é muito falado pela mídia e com isso, na minha opinião, a população de Curitiba e até turistas não possuem muito conhecimento sobre o local.


Links das reportagens:




Náthalie Christi Sikorski
4º período de jornalismo - manhã

Um comentário:

celina disse...

relevante constatação, considerando o potencial do lugar e a sua atual invisibilidade.