quarta-feira, 16 de novembro de 2011

Gilles Lipovetsky



Nascido na cidade de Millau, na França, em 24 de setembro de 1944, Gilles Lipovetsky é filósofo, professor de filosofia na Universidade de Grenoble, teórico da Hipermodernidade e autor.

Em suas principais obras, estão “O luxo eterno”, “O império efêmero” e “A era do vazio”, que analisa uma sociedade pós-moderna, marcada pelo não investimento público, pela falta de sentido das instituições morais, sociais e políticas e por uma cultura marcada por tolerância, hedonismo e pela personalização dos processos de socialização.

Em um artigo escrito para a Revista Eletrônica do Programa de Pós-graduação da Faculdade Cásper Líbero, chamado “O jovem e a sua relação com Orkut: socialização, informação, afeto e imaginação”, Gilles Lipovetsky é citado quando, na conclusão, a autora fala que a mídia e a publicidade têm papéis significativos quando as pessoas utilizam da ferramenta social para os jovens. Ela comenta que a maioria das coisas realizadas nessas redes sociais são usadas por causa da publicidade exercida em cima dos mesmos, citando um fragmento do livro “O Império do Efêmero” em que o autor escreveu que “A publicidade se exerce sobre a massa, não sobre o indivíduo”. (Lipovetsky, 1989: 193).

Fonte:http://revistas.univerciencia.org/index.php/comtempo/article/viewFile/6919/6488


Jornalismo - manhã

Ana Luisa Bussular

Gleize Perez

Náthalie Sikorski

Rhaíssa Sizenando


Um comentário:

celina disse...

ok, síntese,fonte citada.