segunda-feira, 18 de novembro de 2013

Deliciosamente sem pensar

Para deixar os pensamentos de lado Sônia recorre aos deliciosos programas de culinária.
                Sônia Maria Caetano Mastek, 65 anos, nasceu na cidade de Rancho Alegre, no interior do Paraná, e se mudou para Curitiba quando ainda era jovem em busca de uma vida diferente. Ela diz ter aproveitado muito a cidade e tudo o que ela oferece, mas atualmente está mais parada e tem a televisão como seu meio de distração.
                Atualmente Sônia é aposentada e passa a maior parte do tempo em casa juntamente com seu marido, os dois moram sozinhos e tem dois aparelhos de TV. Neste tempo ela borda ponto cruz, cozinha, lê, aproveita seu marido, usa a internet. Porém, no momento em que não quer mais pensar, como ela mesma diz, vai até a televisão. Lá ela assiste diversos programas, mas gosta principalmente dos de culinária sejam eles brasileiros ou não.
                Ver o modo como os pratos são preparados enche os olhos da mulher, que gosta de cozinhar e pegar dicas nesses programas. Ela inclusive usa a internet para rever as receitas e trocar experiências com outros telespectadores. Ela afirma ver dicas que não imaginava e muitas vezes ajuda outras pessoas a fazer algum prato contando alguma coisa que fez de diferente.
                Segundo Stuart Hall o indivíduo pode se posicionar de quatro formas diante de uma mensagem midiática: dominante, preferencial, negociada e de oposição. A teoria da recepção analisa a forma como o receptor recebe a mensagem que foi transmitida através das grandes mídias. Sônia recebe a mensagem de maneira interativa. Ela não apenas absorve o que a é passado, mas também participa do conteúdo dos programas pela internet, com suas sugestões e receitas. Sendo assim ela mostra sua interpretação, e como é influenciada com aquilo.
                  Após analisar esses aspectos, é possível identificar e direcionar um determinado tipo de mensagem para a população, podendo assim estabelecer o tipo de filme, tema da novela, propaganda, entre outros. O perfil de Sônia é perfeito para as emissoras que exibem programas de culinária, e elas podem observar a telespectadora pelas novas mídias.

Por. Ana Beatriz Villas Bôas, Bruna Mazanek, Fernanda Novaes e Renata Nicolli

Nenhum comentário: