sexta-feira, 30 de maio de 2014

Espiral do Silêncio

Exilada da Alemanha, Noelle Neumann se especializou em demoscopia, que é a pesquisa da opinião pública e torná-la conhecida. Noelle destacava que a mídia era modificadora e formadora de opinião.
A partir do momento em que o aparelho de televisão começou a entrar nas casas das famílias da época, foi notado o maior interesse por política, e as conversas entre as famílias ficaram um pouco de lado, pelo fato de todos se entreterem com a TV. E as mulheres perceberam primeiro que os homens a influencia da mídia na maneira de agir e na opinião das famílias.

Neumann comenta que para Rousseau “a opinião pública representa uma transação entre o consenso social e as convicções individuais”, ou seja, é um conjunto de o que é certo para a sociedade e as opiniões que cada pessoa tem sobre determinados assuntos.
As opiniões da sociedade atual são na maioria das vezes diferenciadas por classes sociais, e na maioria das vezes influenciadas pela mídia.

Equipe: Amanda Penteado, Anna Julia Lopes, Fabrício Calixto, Marcos Sudoviski e Vinícius Frank Vaz

Nenhum comentário: