domingo, 5 de outubro de 2014

Estudos de newsmaking

Por Renata Fernandes

O texto de Antônio Hohlfeldt estuda a perspectiva de newsmaking, destacado por Mauro Wolf como um estudo ligado ao jornalismo. Newsmaking é uma hipótese que visa analisar a produção de informações, além do que é a notícia, a relação dos jornalistas com as fontes e as diferentes etapas da produção informacional.


Quando falado em newsmaking, logo outro tema se torna importante para a conclusão dos estudos, que é o gatekeeping, algo parecido com uma filtragem da informação. Para uma notícia ser veiculada, existem vários fatores que determinam a importância dela em um veículo como por exemplo a linha editorial e particularidades do profissional. Os meios de comunicação de massa, escolhem também os fatos que adquirirão status de noticiabilidade, que está regrada por valores-notícia.

Os valores-notícia são agrupados em cinco categorias: categorias substantivas que ligam-se ao acontecimento em si e seus personagens; categorias relativas ao produto, que diz respeito a acessibilidade do acontecimento; categorias relativas aos meios de informação, que têm a ver com a quantidade de tempo usado para a veiculação da informação; categorias relativas ao público, que se refere a imagem que o profissional ou o veículo possui dos seus receptores e categorias relativas a concorrência quando os meios de comunicação buscam saber antecipadamente a pauta do concorrente.

De acordo com Hohlfeldt a captação de informações sofreu modificação ao longo da história. Neste caso, ele cita a questão do relacionamento do jornalista com a sua fonte. Sobre as fontes Hohlfeldt as divide em institucionais e oficiosas, ativas ou passivas, provisórias e estáveis, territoriais ou regionais. 

O autor ainda comenta sobre o relacionamento entre os veículos de modo que o fluxo informacional é ao mesmo tempo constante e alternadamente diverso conforme as características de cada veículo e suas potencialidades de atualização informativa. Por fim, ele ainda comenta sobre outra teoria que é a do editing, que abrange a descontextualização e recontextualização da informação.

Sendo assim, o newsmaking se torna um estudo importante, já que apresenta quais fatores influenciam na seleção das notícias, desde a produção informacional,passando pelo mediador que é o jornalista até chegar ao receptor final.